Cobrador de ônibus tem 15 vagas de emprego no DF nesta 4ª. Confira - O Democrata - O Democrata O Democrata - Noticia toda hora ...

Cobrador de ônibus tem 15 vagas de emprego no DF nesta 4ª. Confira

São mais de 162 vagas para candidatos de nível médio. Maior salário, de R$ 3,1 mil, será pago para eletromecânico de instalações

Concursos

3 semanas atrás

As agências do trabalhador do Distrito Federal oferecem 162 vagas para profissionais com o nível médio de escolaridade. A maior remuneração desta quarta-feira (2/6) é no valor de R$ 3,1 mil, mais benefícios, para eletromecânico de instalações.

As profissões com mais oportunidades são: operador de equipamentos de entrada de dados (30), fiscal de prevenção de perdas (20), cobrador de transportes coletivos (15), auxiliar administrativo (10), operador de telemarketing receptivo (10), representante comercial autônomo (10), vendedor porta a porta (10) e cabista (9). Para estes, os salários variam entre R$ 6,20, a hora, e R$ 1,6 mil, mensais, mais benefícios.

Confira aqui todas as vagas.

Há sete vagas para barman, com salário de R$ 1,3 mil. Não é exigida escolaridade para essas vagas. Para os graduados, a oportunidade desta quarta é para advogado, que recebe salário de R$ 2 mil.

Para se candidatar a qualquer uma das vagas, basta ir a uma das 15 agências do trabalhador em funcionamento no DF, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. No entanto, a Secretaria de Trabalho orienta quanto ao uso do serviço remoto para todos os cidadãos e, em especial às pessoas do grupo de risco. As vagas de emprego poderão ser acessadas pelo aplicativo do Sine Fácil.

A Secretaria de Trabalho também disponibiliza o número de telefone para atendimento em caso de dúvidas: (61) 99209- 1135

Empreendedores que desejam buscar profissionais também podem utilizar os serviços das agências do trabalhador. Além do cadastro de vagas, é possível usar os espaços físicos para seleção dos candidatos encaminhados. Para isso, basta acessar o site da Secretaria de Trabalho e preencher o formulário na aba empregador.

Fonte: metrópoles
últimas noticias
Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade