Governo lança nesta terça aplicativo para bloquear celular roubado

Cerca de 1 milhão de celulares foram roubados ou furtados no Brasil em 2022, de acordo com dados divulgados neste ano pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública

O governo lança nesta terça-feira (19) o aplicativo “Celular Seguro”. O sistema ficará disponível para uso nas plataformas Google Play e App Store. Mas, por enquanto, ainda não está em operação.

Para utilizar o “Celular Seguro”, o usuário precisará baixar o aplicativo no celular, realizar previamente um cadastro e registrar ocorrência de roubo. Dessa forma, será possível bloquear o telefone furtado assim que o usuário tiver acesso a outro aparelho celular.

Há ainda possibilidade de cadastrar uma pessoa de confiança, para que ela possa bloquear por conta própria o celular do usuário furtado ou roubado. O objetivo da ação é realizar o bloqueio de forma mais rápida e impedir que o ladrão tenha acesso aos dados da pessoa.

Como funciona?

  1. Instale o aplicativo “Celular Seguro” nas plataformas Google Play ou App Store;
  2. Faça o login utilizando a conta gov.br (o usuário deve inserir o CPF e a senha);
  3. Ao entrar no aplicativo, o usuário deve se ater aos termos de privacidade e concordar com os termos;
  4. Na página inicial, o responsável por realizar o cadastro pode: indicar uma pessoa de confiança; registrar um número de telefone; ou registrar ocorrência.

Como cadastrar pessoa de confiança?

Logo após acessar o aplicativo “Celular Seguro” com os dados de login, o usuário deverá preencher o cadastro da pessoa de confiança com o nome, CPF, telefone, e-mail.

Como registrar um telefone?

Para cadastrar o telefone na plataforma, o usuário deve clicar em “registrar telefone”. É importante saber que a pessoa não tem quantidade limite de dispositivos para cadastrar, porém, todos os aparelhos devem estar inscritos com o CPF do usuário.

Como registrar uma ocorrência?

Quando o usuário estiver com todos os dados e a pessoa de confiança cadastrada, em caso de roubo, deverá preencher os critérios:

  • Data;
  • Tipo de situação;
  • Hora;
  • Estado;
  • Cidade;
  • Clicar em “emitir”.

Ao final da denúncia, será gerado um protocolo para o usuário acompanhar o andamento com as instituições cadastradas no programa. No caso, bancos e empresas de telefonia.

Furto e roubo de celulares

Cerca de 1 milhão de celulares foram roubados ou furtados no Brasil em 2022, de acordo com dados divulgados neste ano pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Sendo que desse total, algo em torno de 508 mil foram roubados e 490 mil furtados.

Os números de 2022 representam um crescimento de 16,6% em relação aos registrados em 2021.

Siga ODEMOCRATA no Instagram pelo link www.instagram.com/odemocrata
📰Leia e veja as melhores notícias do Distrito Federal, entorno de Brasília, Brasil e do mundo🌎dando ênfase para notícias regionais📍e de utilidade pública.
✔️ANUNCIE CONOSCO
🟩WhatsApp📱(61)98426-5564📱(61)99414-6986
✅Confira nossa tabela de preço. Fazemos permutas e parcerias🤝🏽
PORTAL DE NOTÍCIAS
📲ODEMOCRATA
🌎SEMPRE CONECTADO COM VOÇÊ🖥️

fonte:

g1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *