“Só passar colírio que resolve”, diz jovem autista após perder olho

Jovem com olho lesionado

Apesar de ter que passar por cirurgia para retirar o olho, que não poderá ser recuperado em razão de um ferimento grave no globo ocular, um jovem autista de 22 anos ainda não se deu conta da gravidade da lesão que sofreu após ser brutalmente espancado por quatro adolescentes durante uma partida de futebol no Parque de Águas Claras, nessa segunda-feira (2/1).

“Toda hora ele fala para a gente parar de chorar dizendo que é só passar um colírio no olho que vai resolver. Meu primo mais novo também está em estado de choque e triste por não ter conseguido proteger o irmão. Apesar de ser mais novo, ele cuida muito do irmão”, contou a prima do jovem, Thamires Gonçalves, 28.

O jovem estava na companhia do irmão mais novo, de 10 anos. Os dois decidiram jogar futebol com um grupo de meninos que já estava na quadra. Eles tiveram uma discussão, quando os garotos seguraram os irmãos para darem socos e chutes.

Jovem com olho ferido deitado em maca de hospital

O mais velho foi levado ao Hospital de Base do DF com ferimento grave no olho. Segundo Thamires Gonçalves, o jovem “vai ter que retirar o globo ocular porque o corte foi muito profundo e não dá para fazer uma restauração”.

O caso está sendo investigado pela 21ª Delegacia de Polícia (Taguatinga Sul) como lesão corporal de natureza gravíssima.

Siga ODEMOCRATA no Instagram pelo link www.instagram.com/odemocrata ou Facebook link: www.facebook.com/portalodemocrata , acesse📰noticias variadas do📍Distrito Federal entorno de Brasília, Brasil e do 🌎mundo deixe seu comentário🗣

✅ANUNCIE CONOSCO🟩WhatsApp📱(61)98426-5564📱(61)99414-6986
✅Confira nossa tabela de preço. Fazemos permutas e parcerias🤝🏽

📲🌎SEMPRE CONECTADO COM VOÇÊ🖥️

fonte:

Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *