Cenas fortes: homem tenta estuprar vendedora em loja de colchões; veja vídeo

Uma câmera de monitoramento (assista abaixo) registrou a abordagem violenta do criminoso, que estava sozinho com a vítima no estabelecimento

A vendedora de uma loja de colchões na região de Interlagos, zona sul de São Paulo, escapou por pouco de ser estuprada na tarde do último sábado (18/11). Ela foi surpreendida pelo criminoso quando estava distraída olhando o celular dentro do estabelecimento.

O homem invadiu a loja sem que ela percebesse e arrastou a vítima violentamente para longe do campo de visão de possíveis testemunhas. Ele conseguiu levá-la para um pequeno cômodo, onde tentou praticar o abuso, mas a vítima se debateu e gritou tanto que ele desistiu e foi embora.

O criminoso continuava solto até a publicação desta reportagem.

As imagens mostram que ele pega a funcionária pelo braço e a conduz com agressividade até um lavabo da loja, onde joga a moça no chão. O criminoso abre a porta de um banheiro, onde tenta sem sucesso fazer com que a vítima entre.

Mesmo caída no chão, ela resiste, usando as pernas. Durante a luta, objetos caem no chão e se quebram. A todo momento, a vítima grita para o homem sair de perto dela. É possível ouvi-la dizer que não iria entrar no banheiro com o criminoso. A abordagem dura pouco mais de 30 segundos.

O criminoso chega a retirar o celular da mão da funcionária, mas ela consegue pegar o aparelho de volta. Nesse momento, o homem se distancia e foge correndo, acessando o cruzamento das Avenidas Interlagos com Nossa Senhora do Sabará.

Metrópoles apurou que, no último dia 12, um homem com as mesmas características abordou a funcionária de uma loja de suplementos, também na região de Interlagos.

Mais uma vez, a abordagem foi registrada em vídeo. De acordo com as imagens, ele espera um cliente sair do local para ameaçar a vítima. O registro, porém, é interrompido quando o criminoso e a mulher saem do campo de visão da câmera.

A Secretaria da Segurança Pública (SSP) de São Paulo não deu informações sobre a investigação e a eventual identificação do criminoso. O espaço segue aberto para manifestações.

Estupros crescem em SP

O número de estupros cresceu 7,6% no acumulado entre janeiro e setembro deste ano em comparação com igual período de 2022 no estado de São Paulo —foram 10.705 casos em 2023, ante 9.951 em 2022.

Os números divulgados pela SSP, sob o governo Tarcísio de Freitas (Republicanos), foram submetidos a uma revisão, que encontrou 467 casos nos nove primeiros meses de 2022. Caso não houvesse essa atualização no ano anterior, o aumento seria de 12,9% (total de 9.484 em 2022).

O número de estupros de vulneráveis também cresceu no acumulado do ano. Foram 8.216 em 2023, ante 7.704 nos nove primeiros meses de 2022 (6,6%).

Siga ODEMOCRATA no Instagram pelo link www.instagram.com/odemocrata
📰Leia e veja as melhores notícias do Distrito Federal, entorno de Brasília, Brasil e do mundo🌎dando ênfase para notícias regionais📍e de utilidade pública.
✔️ANUNCIE CONOSCO
🟩WhatsApp📱(61)98426-5564📱(61)99414-6986
✅Confira nossa tabela de preço. Fazemos permutas e parcerias🤝🏽
PORTAL DE NOTÍCIAS
📲ODEMOCRATA
🌎SEMPRE CONECTADO COM VOÇÊ🖥️

fonte:

Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *