O encanto do empreendedorismo - ODEMOCRATA ODEMOCRATA - As melhores notícias toda hora ...

O encanto do empreendedorismo

Nacional

9 anos atrás

Com um sorriso encantador no rosto, a pequena Amanda Lopes Ribeiro, de 8 anos, tentava convencer os clientes a comprar uma bonequinha confeccionada com sacos de lixo. “Foram feitas com sacolinhas que peguei lá em casa”, dizia. “É pra ajudar o meio ambiente, reciclagem, e a nossa escola. Custa apenas R$ 1.” Depois, insistiu com um cavalo de garrafas pet. “Olha, o tanto que é bonito!”

Com um sorriso encantador no rosto, a pequena Amanda Lopes Ribeiro, de 8 anos, tentava convencer os clientes a comprar uma bonequinha.  (Foto: SEBRAE)

Com um sorriso encantador no rosto, a pequena Amanda Lopes Ribeiro, de 8 anos, tentava convencer os clientes a comprar uma bonequinha. (Foto: SEBRAE)

Ao lado de Amanda, outras crianças e adolescentes, com a mesma alegria, negociavam porta-joias, bolsas, brinquedos e outros objetos feitos a partir de materiais recicláveis. Os produtos estavam expostos nas barracas da Feira do JEPP (Jovens Empreendedores Primeiros Passos), realizada em Iaciara (a 513 km de Goiânia), na Praça Cirilo Sabath, no último dia 11 (quarta-feira). Os preços variavam de R$ 1 a R$ 5.

Aluna do terceiro ano da Escola Municipal Sebastião Marques de Souza, Amanda ainda não definiu o que espera do futuro profissional. Mas, durante todo o dia de quarta-feira, mostrou que, com um belo sorriso, simpatia e determinação, é possível convencer o cliente a comprar até mesmo o que ele não precisa.

“O JEPP proporciona aos alunos do ensino fundamental, do 1º ao 9º ano, o estudo e a prática do empreendedorismo. Mesmo que o jovem não chegue a empreender um dia, estará um pouco mais preparado para o mercado de trabalho, independente da área em que for atuar”, explica Poliana Alves Fernandes, analista do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae Goiás), da Regional Nordeste”.

Para a secretária municipal de Educação, Kene Neri Boa Sorte, o programa promove mudança de atitude nos estudantes. “Eles desenvolvem atitudes sociais bastante importantes, como reciclagem de lixo e reaproveitamento de materiais. São ensinamentos que eles vão carregar e disseminar pelo resto da vida.”

A Feira do JEPP em Iaciara reuniu cerca de 50 estudantes do 1º ao 9º ano de seis escolas municipais da cidade – Professora Maria do Carmo Marques, Joaquim Vieira de Melo, João Damaceno Rocha, Dom Bosco e Odilon Nere Sampaio. Cada escola montou sua própria barraca com temas diferentes: Sabores e Cores (alimentos e bebidas), Artesanato, Eco Papelaria, Locadora (filmes e livros), Ervas Aromáticas, Brinquedos Ecológicos, Locação de Roupa e Temperos Naturais.

Horizontes
Diretora da Escola Sebastião Marques, Silza Pereira Bastos Santos, 43, também se beneficiou do programa de estímulo ao empreendedorismo. Quando fez a capacitação para repassar o conhecimento do JEPP em sala de aula, descobriu os motivos pelos quais sua microempresa, no ramo de tecidos, não dava lucro.

“A consultora do Sebrae Goiás que veio ministrar a capacitação abriu meus horizontes. Ela falou para que eu procurasse empreender em alguma atividade que a comunidade de Iaciara precisava. E tecido estava longe disso”, explica a também comerciante, hoje no ramo de frios. “Meu negócio está bem melhor. Dá até lucro”, brincou.

Serviço:
Programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP)
Regional Nordeste: (62) 3481-9300
Central de Relacionamento Sebrae: 0800 570 0800

(Agencia SEBRAE)

últimas noticias
Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade