VÍDEO: Criança de 9 anos morre baleada durante tiroteio em Ceilândia, no DF

Menino estava com pai e irmã, de 3 anos. Segundo PMDF, troca de tiros foi por cobrança de drogas; cinco suspeitos estão presos, entre eles, o pai das crianças

Uma criança de 9 anos morreu baleada e dois homens ficaram feridos em Ceilândia, no Distrito Federal, na noite deste sábado (11). Segundo a Polícia Militar, a criança estava com o pai e uma irmã, de 3 anos, em frente a um bar no Condomínio Pôr do Sol.

Testemunhas disseram aos PMs que o pai das crianças, de 32 anos, tinha ido ao local para cobrar uma “dívida de drogas”. Cinco suspeitos foram presos, incluindo o pai das crianças.

Imagens de uma câmera de segurança mostram um grupo de pessoas conversando, em frente ao bar. O homem identificado como sendo o pai do menino morto estava na porta do carro. É possível ver quando ele se afastou do veículo, mas voltou em seguida e pegou uma arma.

O homem partiu para cima de uma pessoa e fez o primeiro disparo. Depois, mais tiros foram disparados e começou uma confusão generalizada, entre várias pessoas.

O homem foi derrubado no chão e, neste momento, o menino de 9 anos saiu do carro em direção ao pai. A criança e o pai correram para uma rua que não é coberta pela câmera e foram perseguidos por outras pessoas.

Foi nesta rua que, segundo a polícia, os dois foram baleados. Um pouco depois, é possível ver novamente o menino nas imagens. Ele apareceu cambaleando, ao lado do pai, e os dois foram em direção ao carro, feridos.

A criança chegou a ser levada para o hospital por uma pessoa que passava pelo local, mas não resistiu. A menina de 3 anos não foi atingida.

As prisões

Pessoas trocam tiros em Ceilândia, no DF; criança de 9 anos morreu — Foto: Reprodução

O pai das crianças e um outro suspeito, que também foi baleado, estão internados no Hospital Regional de Ceilândia sob escolta policial. Segundo a polícia, o pai das crianças tem três mandados de prisão em aberto, sendo um por tráfico de drogas.

Ele e outras quatro pessoas foram presas ainda na noite de sábado. Alertados sobre a troca de tiros, policiais do Grupo Tático Operacional (GTop 28) perseguiram o carro de um dos suspeitos que havia deixado o local em alta velocidade.

O caso é investigado pela 15ª DP. Na manhã deste domingo (12), o pai das crianças e o outro suspeito ferido permaneciam no Hospital Regional de Ceilândia (HRC).

Siga ODEMOCRATA no Instagram pelo link www.instagram.com/odemocrata
📰Leia e veja as melhores notícias do Distrito Federal, entorno de Brasília, Brasil e do mundo🌎dando ênfase para notícias regionais📍e de utilidade pública.
✔️ANUNCIE CONOSCO
🟩WhatsApp📱(61)98426-5564📱(61)99414-6986
✅Confira nossa tabela de preço. Fazemos permutas e parcerias🤝🏽
PORTAL DE NOTÍCIAS
📲ODEMOCRATA
🌎SEMPRE CONECTADO COM VOÇÊ🖥️

fonte:

Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *