Ginecologista teria estuprado garota de 14 anos, parente da esposa dele

Crime teria acontecido em 1992 e familiares não acreditaram na vítima; médico foi preso no dia 20 por suspeita de cometer crimes sexuais

imagem colorida ginecologista denunciado crimes sexuais goias

O ginecologista Fábio Guilherme da Silveira Campos teria estuprado uma adolescente de 14 anos em 1993, no estado de Goiás. A vítima era parente da esposa do médico.

Fábio, que hoje tem 73 anos, está preso desde o dia 20 de julho por suspeita de cometer crimes sexuais contra pacientes. Pelo menos 16 mulheres já fizeram denúncias formais contra ele.

Os casos se concentram entre os anos de 2015 e 2020, mas a delegada Amanda Menuci, da Polícia Civil de Goiás, revelou ao G1 um caso mais antigo, ocorrido com a adolescente em 1992.

“Ele a despiu completamente, tocou seus órgãos genitais e fez com que ela tocasse o órgão genital dele dizendo: ‘Você ainda tem muito o que aprender comigo’”, descreveu a delegada.

A vítima, que já tem mais de 30 anos, ainda vive traumatizada por conta da situação. Ela teria contado para familiares na época do crime, mas teria sido desacreditada e a denúncia foi tratada como uma “fantasia adolescente”.

A defesa do ginecologista alega que os casos já foram apurados pelo Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás e pelo Conselho Federal de Medicina, mas o médico foi absolvido. Já o conselho estadual diz que as investigações internas são sigilosas.

Siga ODEMOCRATA no Instagram pelo link www.instagram.com/odemocrata
📰Leia e veja as melhores notícias do Distrito Federal, entorno de Brasília, Brasil e do mundo🌎dando ênfase para notícias regionais📍e de utilidade pública.
✔️ANUNCIE CONOSCO
🟩WhatsApp📱(61)98426-5564📱(61)99414-6986
✅Confira nossa tabela de preço. Fazemos permutas e parcerias🤝🏽
PORTAL DE NOTÍCIAS
📲ODEMOCRATA
🌎SEMPRE CONECTADO COM VOÇÊ🖥️

fonte:

Metrópoles

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *